Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Stylista

DANÇA DO SOL


Ando a puxar por cores mais claras e peças de surf
a ver se chamo o sol!

A camisola em lã mohair é da Zara (saldos inverno)
As calças desportivas de lã são da Massimo Dutti
A t-shirt Quiksilver woman
Os óculos Roxy
Os botins Zara 2008 (!)
O colar serpente da F.I.A.
e o trio de aneis prata HLC
(encomendas: helenalcardoso@gmail.com)

Chega de chuva!!!

Fotografia: Sílvia Ferreira,
na semana passada, com um bocadinho mais de sol.

FRENCH BEAUTY



Falei-vos em fazer um Post sobre aplicação de maquilhagem - eu, grande entusiasta longe de um entendimento profissional - mas ontem vi este vídeo na revista online do Net à Porter com a Charlotte Tilbury a ensinar como se faz um smokey eye à francesa - estilo Alt, Roitfeld, Bardot - e pensei que nada nem ninguém o poderão exemplificar melhor.

Agora é treinar até chegar ao mesmo resultado com esta facilidade!

BOM FIM DE SEMANA.

A SÉRIO?


Estou a tentar comprar uma saia de 25.95 € e quase a viver a experiência 
(pela dificuldade) de estar a comprar uma Birkin!

Quero a saia.

Não há.

Quer ser notificada quando a saia estiver disponível?

Sim, obrigada.

A saia está disponível; 
sugerimos que compre antes que o stock acabe novamente.

(não era bem este o discurso mas era esta a mensagem).

Muito bem.

Salto da janela do email para a janela da Zara.

JÁ. NÃO. HÁ.

Quer ser notificada quando o produto estiver em stock novamente?

Grrrrrrrrr.


Espero o tempo que for preciso caros senhores; primeiro porque não conto usá-la nos próximos dois meses e segundo porque se bem vos conheço, encontrando um produto que venda - e apesar de ser no conceito de rotação - e consequente desaparecimento de produto - que o vosso modelo de negócio está assente - não haverá escassez.

Se há fila de espera para uma saia branca de 25€ já está certamente a ser feita uma nova encomenda desta saia também em preto; depois vem provavelmente uma às riscas preto e branco, a seguir uma numa cor berrante, depois um estampado tropical e chegando o outono é cortá-la novamente em cabedal e tweed, e não parar mais de a declinar enquanto houver uma nesga de procura.

Sem problema, aprecio e agradeço :)

Tenho um blusão de cabedal da Zara de 2008 que vendeu que nem pãezinhos quentes. Vendeu, vendeu, vendeu, vendeu - houve uma pausa - vendeu mais, e no inverno passado, lá estava ele outra vez. Igualzinho! Sempre a vender desde 2008.

É um negócio brilhante este de ler e ajustar a oferta quase em tempo real.

Mas agora tragam lá a saia outra vez!

Pág. 3/3