Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Stylista

hoje a Norte

 

Hoje vou passar a maior parte do dia no Porto - quando lerem isto já lá devo estar - onde, pelo que oiço, já faz um fresquinho! Verdade Porto?!...

 

 

Acompanhem a reunião/visita no Instagram e amanhã

acompanhem também a minha passagem pela Moda Lisboa.

 

 

 

 

Por falar em Norte e Outono, aqui fica mais um look MO!

 

(não encontrei as roupas no site mas já está tudo em loja)

 

 

 

 

Instagram @stylista_mg

 

 

 

 

 

Facebook Stylista

 

 

Depois de anos e anos como Tanta Roupa e Nada para Vestir - o nome do livro que publiquei em 2009 - a página de Facebook do Blog Stylista chama-se agora finalmente... STYLISTA (wohoooo!) Desaparecem as páginas TRNPV e Market Stylista, e a conversa condensa-se neste território! 

 

 

Até que enfim!

 

 

Obrigada Facebook e...

para quem ainda não seguia, toca a seguir!

 

Ainda não está lá nada mas vai passar a estar lá tudo.

 

A página está aqui.

 

www.facebook.com/stylistamg

 

 

 

 

entrevista Market Stylista

 

 

Há duas semanas o Market Stylista foi considerado pela revista Time Out Lisboa um dos novos negócios do momento nesta cidade :) Fiquei super orgulhosa - obrigada mais uma vez Time Out! - e radiante por ver este meu projecto ao lado de tantos outros que admiro.

 

Numa altura em que o Winter Market Stylista começa a sair do papel, e porque a entrevista teve que ser condensada em meia página para caberem todos os negócios, lembrei-me de deixar aqui a conversa completa como uma forma de vos contar a história desta minha outra paixão que tanto me consome e que tanto gozo me dá!

 

Espero que gostem :)

 

 

 

Time Out: Começou com 20 marcas em 2013, quando o mercado ainda se realizava em Sintra. Em 3 anos cresceu para as 90 marcas. Como é feita a selecção? A Maria contacta ou é contactada? Como funciona?

 
Maria Guedes: É uma maravilha fazer esta retrospectiva; só passaram três anos e no entanto tanto mudou. Esta aventura dos mercados começou quando um dia fui visitar o Coolares Market (Caza e Quinta de Cima do Pé da Serra, Colares) e fiquei encantada com o espaço e com a ideia de, informalmente, juntar algumas marcas nacionais - que na altura estava a promover no Blog Stylista - e convidar todos os nossos amigos para um programa diferente de passeio e compras. 
 
Falei com os donos da Quinta (que me conhecem desde miúda por serem amigos dos meus pais) e assim ganhou forma o primeiro Market Stylista na Primavera de 2013. Comuniquei cheia de entusiasmo este evento no Blog Stylista e, para minha enorme surpresa, apareceram pessoas de todas as partes do país! Foi um dia que me encheu o coração pela alegria contagiante de todos - marcas e visitas - e que me deu, no final de muito trabalho, ansiedade e nervosismo (às vezes tinha duvidas que alguém aparecesse!) uma gratificação emocional e profissional enorme. Senti que os visitantes estavam muito contentes por poderem encontrar oferta original e um programa agradável de compras, e senti que as novas marcas do universo online estavam radiantes com a exposição e a possibilidade de conhecerem o seu publico.
 
Voltei a repetir a experiência em Colares no Inverno do mesmo ano - foi igualmente delicioso! - mas, com o numero de marcas interessadas (e interessantes!) a aumentar, senti necessidade de mudar no ano seguinte para um espaço que pudesse receber mais presenças.
 
A procura de espaços mais centrais e de maior dimensão veio trazer uma mudança significativa nos custos com a organização do evento.
 
Foi nesta altura que nasceu o negócio Market Stylista - até aqui um hobby - e foi em 2014 também que decidi organizar duas edições por ano nas declinações Summer e Winter. 
 
O Summer Market Stylista realiza-se no Estoril, o Winter Market Stylista realiza-se em Lisboa. Os espaços vão variando - gosto que cada evento seja surpreendente pela oferta e pela experiência - e o nome em Inglês (um paradoxo quando falamos de produção nacional) deve-se à minha enorme vontade de convidar os turistas a conhecer o que de melhor se faz por cá. Este objectivo tem sido um sucesso graças ao apoio da Câmara Municipal de Cascais e da Câmara Municipal de Lisboa, nas respectivas edições Summer e Winter.
 
Na ultima edição - Summer Market Stylista - contei com a presença de mais de 100 marcas. Há muitas marcas que me procuram e apresentam os seus projectos - iniciativa que agradeço! - há outras que são contactadas por mim. 
 
Estou constantemente à procura de marcas novas com forte potencial - o publico adora novidades! - porque, como comunicadora do evento, preciso de acreditar nos projectos. Preciso de me entusiasmar para poder entusiasmar o meu publico. É muito importante acreditar nas marcas que escolho para o Market Stylista e é um privilegio, uma verdadeira honra e pura emoção, ver a evolução destes negócios.
 
 
 
TO: Há uns tempos disse em entrevista que o mercado era uma "concentração de talento nacional". A aposta em mercas portuguesas é uma prioridade?
 
MG: É uma prioridade e representa cerca de 90% da oferta das edições Market Stylista. 
 
 
 
TO: Algumas das marcas presentes no mercado acabaram por se transformar em lojas físicas. Qual a noção que tem da dimensão e projecção do Market Stylista também como impulsionador de novos negócios?
 
MG: Apresento os projectos ao meu publico mas a partir daí o mérito é todo das marcas! 
 
Fico muito feliz quando a Cantê ou a Josefinas deixam de estar no Market Stylista porque estão com uma presença fortíssima em lojas físicas e em processos muito bem sucedidos de internacionalização. 
 
Uma das coisas que mais gosto neste meu trabalho é isso mesmo: 'viver' - pela partilha - a emoção, o empenho, as duvidas e as conquistas destes jovens empreendedores (em grande parte empreendedoras!).
 
 
 
TO: Seria acertado dizer que o mercado funciona, para além de montra do talento nacional, como incubadora de pequenas empresas?
 
MG: O Market Stylista pode funcionar como incubadora de pequenas empresas se a oferta estiver completamente alinhada com a procura, e se as marcas mostrarem vontade de crescer de forma profissional. Parece óbvio mas nem sempre é fácil.
 
É importante que o produto apresentado seja pertinente para este publico; é fundamental que o design e qualidade sejam interessantes, que o preço seja justo, que a simpatia e o nível de atendimento sejam formidáveis e que a apresentação (decoração do espaço e exposição de produto) seja feita com brio e empenho. 
 
A maior parte das marcas presentes no Market Stylista são excepcionais nestas variáveis e é por esta razão que é tão comum ver o aparecimento de verdadeiros fenómenos de vendas!
 
Na edição de Verão o meu aplauso foi para a categoria 'fatos-de-banho' e para todas as marcas nacionais cujos modelos - de mulher, homem e criança - povoaram as praias do nosso país. O publico tem orgulho em usar estas marcas e isso é simplesmente maravilhoso!
 
 
 
TO: Estrategicamente, organiza o mercado sozinha ou conta com uma equipa? Se sim, de quantas pessoas? No caso do blog, começou sozinha? Quando (data exacta)?
 
MG: Comecei a organizar o Market Stylista sozinha e agora conto com a ajuda de uma experiente - e formidável - Gestora Operacional, o que me deixa mais disponível para tratar da curadoria e comunicação dos eventos. Estou também neste momento a delegar a parte financeira e administrativa que me ocupa bastante tempo. Entre curadoria, contactos, apresentação de conceito,  desenvolvimento de linha gráfica, visitas ao espaço, acompanhamento às marcas, reuniões com várias entidades, desenvolvimento de activações de marca, obtenção de licenças, segurança, higiene, electricidade, multibancos, montagens, decoração, fotografia e edição, comunicação e partilha no Blog e Redes Sociais - fico com pouco tempo até para respirar! A delegação de tarefas é importante e cada vez mais necessária. 
 
Comecei o Blog Stylista em Janeiro de 2009; na altura era um complemento dinâmico e interactivo ao livro Tanta Roupa e Nada para Vestir, hoje em dia é o meu projecto base. 
 
 
 
TO: Desde que se estreou com o mercado, houve uma proliferação de outros mercados de moda e lifestyle por toda a cidade. No entanto, as marcas continuam a apostar no Market Stylista como parceiro ideal para a sua divulgação e há muitas exclusivas. Como serão as próximas edições do mercado? Continuar a crescer?
 
MG: Há muitas marcas (que são para mim verdadeiros colossos criativos) que escolhem estar presentes em exclusivo no Market Stylista, o que me faz transbordar de alegria! Cada vez mais procuro marcas-parceiras que trabalhem em conjunto comigo de forma a fazer deste mercado um evento com um posicionamento muito próprio e diferenciador. Vou continuar a apostar nas minhas marcas-parceiras e vou continuar, claro, a apresentar ao publico muitas novidades.
 
A ideia não é crescer em termos de quantidade da oferta, é antes pelo contrário oferecer menos e melhor. Quanto mais fortes forem as presenças (independentemente da sua dimensão, tempo de vida ou percurso empresarial), mais interessante fica o evento.
 
A próxima edição - o Winter Market Stylista - será na Cordoaria Nacional, nos dias 26 e 27 de Novembro, e já estão alinhadas marcas incríveis (muitas delas novas) que vão encher de bom gosto o próximo Natal. 
 
 
A comunicação começa no inicio de Novembro, até lá estou a conter-me para não começar a contar tudo.
 
 
 

 

 

Obrigada Nelma Viana pela referência ao Market Stylista e, claro, pela habilidade de condensar de forma tão fiel (tão positiva e tão lisonjeadora) esta entrevista inteira :)