Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Stylista

fim-de-semana | Oslo

 

 

Hoje o post de fim-de-semana vem a transbordar de imagens!

 

Foram dois dias em cheio nesta cidade tão pequenina e deliciosa :) Adorei conhecer Oslo; fiquei fascinada com a organização, a limpeza, o silêncio, o civismo, a paisagem, a arte, as cores, os vários Caffe's e - claro! - as mil e uma lojas de decoração de interiores, cujo estilo não podia ser mais a minha cara.

 

 

 

 

Então foi assim:

 

6ª feira: cheguei por volta das 14h, fui ao Hotel deixar a mala, entrei num Caffe para comer qualquer coisa e depois passei o resto da tarde a explorar as ruas principais e a tentar orientar-me com o mapa para perceber onde ficavam os sítios que queria conhecer.

 

À noite fomos jantar ao Theatercafeen, um Café muito giro mesmo ao lado do nosso Hotel - porque eu tinha acordado às 6h e estava de rastos!

 

Sábado: foi o dia mais completo! Começámos a caminhada rumo ao Parque Frogner, mais precisamente à área do Parque Vigeland, onde estão as estátuas do artista com o mesmo nome. Pelo caminho apanhámos a Rua Bogstadvein - que é a rua das lojas mais giras - por isso, como podem calcular, demorámos algum tempo até chegar ao parque :)

 

O parque é de uma beleza impressionante! As estátuas, a cor da folhagem nas árvores e no chão, os lagos, os banquinhos de jardim - parece tudo tirado de um filme! A coisa que mais nos fez rir: o Parque estava CARREGADO de gente à caça de Pokémons; adultos e crianças, e até grupos enormes com monitores - uma loucura!

 

Do parque fomos para a Operaen(Opera House & Ballet), um edifício super moderno com uma arquitectura - interior e exterior - de uma beleza esmagadora. Andei durante uns bons 30 minutos sem conseguir dizer mais nada além de 'Uau'.

 

Almoçámos por lá e depois seguimos para o bairro cool de Grünerløkka onde vimos mais uma série de lojas e Caffe's giros. Nesta zona, aos Domingos, há um conhecido mercado vintage que infelizmente não conseguimos ir ver porque tínhamos que estar no aeroporto precisamente a essa hora.

 

Paragem no Hotel para um descanso curto e um mega banho, e depois fomos jantar a um restaurante - cujo nome já não me lembro - numa zona mais urbana. A comida era óptima e o restaurante muito conhecido mas - como toda a comida e bebidas em Oslo - carote e, na minha opinião, com um ambiente demasiado sério.

 

Domingo: não tínhamos muito tempo para aproveitar mas mesmo assim ainda conseguimos ir à National Gallery, que me surpreendeu muito! Adorei a disposição das obras em paredes de cores vivas e fiquei bastante surpreendida com a selecção fantástica de pintura e escultura. Tive muita pena de não ter conseguido ver tudo com mais calma.

 

 

 

 

E foi assim!

 

Rápido mas muito enriquecedor :)

 

 

Está na hora de voltar à realidade.

 

 

Obrigada por todas as vossas dicas e

boa semana!